Amo até no céu (Homenagem a Cristiano Araújo) – Gabriel Gava MP3

Música, Amo até no céu (Homenagem a Cristiano Araújo) de Gabriel Gava.

Belém, Doido, Ontem, Carência, Gelo, mesa, Namorada, Privado, Whatsapp, pai, Pedro, Viola, Pronto, Pega


Baixar música Amo até no céu (Homenagem a Cristiano Araújo) – Gabriel Gava MP3, download através dos links abaixo!

Sucesso de Gabriel Gava para você baixar no celular ou computador PC com links diretos!


Artista: Gabriel Gava
Música: Amo até no céu (Homenagem a Cristiano Araújo)
Álbum:
Lançamento:
Gênero: Sertanejo
Composição:

Tamanho: 5,1 MB

Clique para BAIXAR


Letra:

Entrei em estado de choque
Quase que perdi você
Eu sei que acidentes são fatais
Fatalidade mesmo é nunca mais te ver

Já não faz nenhum sentido
Essa vida sem você
Logo eu que te escolhi pra eternidade
Eternamente viveria sempre ao lado seu

Estou imaginando
Você me esperando
Linda no altar
Espere vou chegar

E Pra nossa surpresa
A nossa igreja
Vai ser aqui no céu
E Deus vai celebrar
Vai celebrar

O nosso casamento
O nosso amor eterno
Só que dessa vez
A noiva quem chegou primeiro
Fiquei pra avisar o mundo inteiro

O nosso casamento
O nosso amor eterno
Só que dessa vez
A noiva quem chegou primeiro
Fiquei pra avisar o mundo inteiro

A última coisa que sobrou
Daqueles destroços
Foi essa aliança no meu bolso
Me dê a sua mão…

Entrei em estado de choque
Quase que perdi você
Eu sei que acidentes são fatais
Fatalidade mesmo é nunca mais te ver

Já não faz nenhum sentido
Essa vida sem você
Logo eu que te escolhi pra eternidade
Eternamente viveria sempre ao lado seu

Estou imaginando
Você me esperando
Linda no altar
Espere vou chegar

E Pra nossa surpresa
A nossa igreja
É aqui no céu
E Deus vai celebrar
Vai celebrar

O nosso casamento
O nosso amor eterno
Só que dessa vez
A noiva quem chegou primeiro
Fiquei pra avisar o mundo inteiro

O nosso casamento
O nosso amor eterno
Só que dessa vez
A noiva quem chegou primeiro
Fiquei pra avisar o mundo inteiro

A única coisa que sobrou
Daqueles destroços
Foi essa aliança no bolso
Me dê a sua mão…
Me dê a sua mão

A única coisa que sobrou
Daqueles destroços…
Foi essa aliança no meu bolso

Palavras-chaves:,

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *